Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Transporte Sentimental



Sexta-feira, 22.01.16

vila franca de xira e o tejo ali ao lado

Image.jpg


Vivi em Vila Franca de Xira de 1961 a 1967 e via o Tejo todos os dias da minha janela no segundo andar do meu prédio côr de rosa no Bairro do Bom Retiro. A renda era de trezentos e vinte escudos por mês. Mesmo com um nome bonito, o bairro era triste e não havia água nas torneiras. Por isso a nossa gente ia à fonte de Santa Sofia buscar garrafões de água para beber. À hora de almoço aparecia o Zé da Água com um depósito da Câmara Municipal. Havia quem trouxesse a telefonia portátil para ouvir o romance porque (vá lá saber-se porquê) o Zé da Água aparecia sempre à hora do romance na telefonia. Era um azar a juntar ao azar de o nosso Bairro não ter ruas de asfalto (as ruas nem nome tinham) além de uma muito mal sublimada má vontade doas naturais, gente pobre e periférica como nós. Uma vizinha chamou-nos um dai «gente ambulante» só porque éramos parte de uma equipa que andava (com os reclusos de delito comum com jeito para a construção civil) a construir alguns Palácios da Justiça – depois do Montijo, Vila Franca de Xira. Onde eu me sentia muito bem era na Escola Comercial e Industrial porque ali éramos todos amigos e quem tinha unhas é que tocava guitarra. O Vidaúl Froes Ferreira, o José Carlos Lilaia, o Álvaro Pato, o Arnaldo Ribeiro, por exemplo, apareceram comigo, anos depois numa reportagem do Adelino Gomes para o «Público» (Revista). A fotografia foi tirada em 1966 e dá para dizer duas coisas: o tempo passa depressa e o Tejo está mesmo ao nosso lado. Só falta aparecer o barco areeiro «Gil Conde» para o quadro ficar completo. Aquele jardim era o nosso Mundo e nesse tempo (éramos jovens, felizes e angustiados ao mesmo tempo) nenhum de nós sabia que o Mundo é pequeno e só o acaso é grande. --

Autoria e outros dados (tags, etc)

por José do Carmo Francisco às 11:40



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Janeiro 2016

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31





Visitas