Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Transporte Sentimental



Domingo, 25.01.15

sílvia de oliveira - e quem nos salvará das palavras erradas?

Image.jpg


O «Diário de Notícias» do passado dia 17 de Janeiro de 2015, no seu Suplemento «Dinheiro Vivo» publica um «editorial» com a assinatura de Sílvia de Oliveira. O título é «E depois, quem nos salvará?» e começa por referir-se ao assunto da deflacção considerando-o como um problema grave «demais». Mas o correcto é grave «de mais». E é «de mais» porque tem a ver com mais ou menos, com quantidade, com valor. Mas logo algumas linhas abaixo a mesma palavra (demais) já surge escrita correctamente em função do que a articulista pretende afirmar. Vejamos. «O que Mário Draghi está a tentar fazer por inoperância das demais instituições europeias, é tentar salvar a Europa incluindo países como Portugal, Grécia, Espanha ou Itália». O sentido correcto de «demais» é «os outros». Isso aprendia-se no meu tempo de aluno na Escola Comercial e Industrial de Vila Franca de Xira. Os professores ensinavam e os alunos aprendiam. Era para toda a vida como se comprova ainda hoje. Ora neste editorial do «Dinheiro Vivo« o primeiro «demais» está errado mas o segundo «demais» está certo. Quando se escreve que um problema é grave o «de mais» será sempre separado porque o oposto é «de menos». Basta fazer um simples exercício mental para evitar um erro assim tão crasso. Dizem que tudo isto tem a ver com a pressa actual porque os jornalistas modernos são condicionados pelo número de caracteres disponíveis para cada texto. Se o problema principal é esse, então não há tempo para pensar nas palavras enquanto tal. Se só os caracteres contam então todo o tempo do jornalista é gasto a escrever à pressa e também à pressa a contar os caracteres. E isto até tudo ficar conforme planificado. Assim é que ninguém nos salva. --

Autoria e outros dados (tags, etc)

por José do Carmo Francisco às 14:47



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Janeiro 2015

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031





Visitas