Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Transporte Sentimental



Quarta-feira, 20.05.15

«para as raparigas de coimbra» de antónio nobre

Image.jpg


Umas coisas puxam as outras. Lembrei-me de uma frase de Raul Brandão (1867-1930) sobre António Nobre (1867-1900) e como gosto de colocar as datas a seguir aos nomes, «defeito» qie aprendi com Jacinto Baptista em 1978 no «Diário Popular». Ora eu vim a descobrir algo surpreendido (enfim…) que no livro «Quem é quem na Literatura Portuguesa» de Álvaro Manuel Machado (Publicações Dom Quixote) o nome de António Nobre não aparece na página 199 ao lado de Orlando Neves, Isabel da Nóbrega e Natália Nunes. Afinal está na página 77 e só o descobri por acaso uma vez que este dicionário tem os nomes em duas ordens: até 1900 e depois de 1900. Não me parece isto bem até pelo título pois a «literatura portuguesa» tal como a entendo é a que vem dos Trovadores até aos nossos dias. Um autor como António Nobre (na minha opinião) não é para antes de 1900, é para todos os anos. Aqui fica para os leitores do Blog e de António Nobre uma amostra do livro «Só»; trata-se apenas do excerto das quadras 1,2,3, 14, 15 e 16 do poema «Para as raparigas de Coimbra»: «Ó choupo magro e velhinho / Corcundinha, todo aos nós: / És tal qual meu avozinho / Falta-te apenas a voz / Minha capa vos acoite / Que é para vos agasalhar / Se por fora é cor da noite / Por dentro é cor do luar…/ Ó sinos de Santa Clara / Por quem dobrais, quem morreu? / Ah, foi-se a mais linda cara / Que houve debaixo do céu! / Nossa Senhora faz meia / Com linha feita de luz / O novelo é a lua cheia / As meias são p´ra Jesus / Meu violão é um cortiço / Tem por abelhas os sons / Que fabricam, valha-me isso / Fadinhos de mel, tão bons / Ó fogueiras, ó cantigas! / Saudades! Recordações! / Bailai, bailai raparigas! / Batei, batei, corações» Do mal fica sempre alguma coisa, aprendi com Jacinto Baptista. Aqui foi um mal-entendido. --

Autoria e outros dados (tags, etc)

por José do Carmo Francisco às 20:45



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Maio 2015

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31





Visitas