Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Transporte Sentimental



Sábado, 07.03.15

mário ventura já tinah razão em 2002 sobre matilde raposo

Image.jpg


O livro «Atravessando o deserto» (Editorial Notícias) de Mário Ventura (1936-2006) foi-me oferecido pelo autor em Outubro de 2002 com dedicatória. Trata-se de um livro especial que integra histórias curtas e simples, pequenos contos e ficções breves – um livro difícil de situar em qualquer género literário. Sobre o caso da escritora da moda que tem surgido no Facebook a defender as medidas do Governo actual, veja-se o texto da página 91 intitulado «Ousadia e abundância»: «Um dia a jovem Matilde Raposo que concluíra uma licenciatura em Comunicação Social e já escrevia crónicas de trivialidades para um semanário de moda, decidiu que lhe ficaria bem escrever um livro. Não seria tarefa fácil mas também não era inacessível ao comum dos mortais. Meteu-se ao trabalho e, com alguma surpresa, descobriu que a escrita lhe saía fluentemente, ou seja, sem necessidade de aguardar a vinda da tão invocada e legendária musa inspiradora. Em três semanas atingiu as cem páginas processadas no computador e nesse ponto concluiu que não havia razão para não chegar às duzentas. Terminada a obra, teve um trabalho danado para emendar um monte de gralhas ortográficas, de acordo com as prestáveis indicações do dicionário informático. O editor a quem o livro foi entregue com alguma displicência hesitou apenas três dias, no termo dos quais informou a autora da próxima publicação da obra. A ousadia do tema e a abundância de palavrões causavam-lhe alguma apreensão mas a paternidade feminina da história augurava um êxito de vendas sobretudo entre o público que já não suportava as obras dos escritores ditos sérios e consagrados. Tinha razão: o livro vendeu-se, esgotou, reeditou-se, mau grado as críticas demolidoras que o definiam como um subproduto indigno de qualquer literatura, mal escrito e mal concebido, atribuindo a sua popularidade ao mau gosto generalizado do público.» Basta trocar Matilde Raposo por Margarida Rebelo para perceber o resto. --

Autoria e outros dados (tags, etc)

por José do Carmo Francisco às 09:02



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  






Visitas