Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Transporte Sentimental



Quinta-feira, 05.02.15

jorge silva melo, o palco, o teatro e a apoteose do efémero

Image.jpg


Começo pelo princípio. A foto é recortada por mim de um programa dos «Artistas Unidos – Rua da Escola Politécnica, 54 - Lisboa. A propósito de Jorge Silva Melo e de uma simples brincadeira minha no Facebbok (chamei-lhe senhor Vaningen) eu lembro sempre um grande amigo, ligado à escrita e à encenação teatral que eu há anos perdi (Orlando Neves) quando, a propósito de uma peça de teatro eu lhe falei na apoteose do efémero. Repreendeu-me e afirmou ser essa frase mais um lugar-comum. Logo, eu estaria proibido de a usar, evitando-a sempre. Não me conformei na altura nem me conformo hoje pois esse tal lugar-comum (que eu não discuto) passa-me ao lado. Se hoje em 2015 eu recordo com nitidez a personagem do encadernador Vaningen que Jorge Silva Melo levou ao palco do Teatro da Cornucópia, então é porque o efémero foi vencido e se transformou em permanente. Passaram muitos anos, talvez mais de trinta mas as frases do senhor Vaningen, o encadernador, ao telefone para alguém numa grande empresa alemã nos anos 30 do século XX, continuam na minha memória: «Bom dia, fala Vaningen, o encadernador! É para dizer que os livros que mandaram encadernar na minha oficina já estão prontos e, já agora, se posso mandar a continha…» As peripécias sucedem-se, o nosso encadernador Vaningen ao telefone não tem (nem virá a ter) ninguém que o atenda e ao fim de muitos e longos minutos, acabará por desabafar para o público algo como isto: «Bando de cagalhões!». A pergunta do título da peça de Karl Valentim (salvo erro) sobre o capitalismo internacional continua hoje pertinente e cada vez mais: «E não se pode exterminá-lo?» O encadernador continua a perguntar o mesmo, hoje em dia… --

Autoria e outros dados (tags, etc)

por José do Carmo Francisco às 15:13


1 comentário

De Luis Eme a 06.02.2015 às 08:19

quase todos continuamos...

(grato)

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Fevereiro 2015

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728





Visitas