Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Transporte Sentimental



Quarta-feira, 23.03.16

da antiga morna «mar eterno» à moderna voz de santos cabral

Image.jpg


Sou apaixonado pela arte da rua, a mais efémera porque desaparece com a noite ou com um aguaceiro. No relógio da vida as horas da tarde são mais rápidas do que as da manhã. Gosto da arte da rua, gosto muito da vida. Parece um lugar-comum mas «Apostar na vida é teimar no que os filósofos antigos julgavam perdido: o amor é frágil mas a vida é o amor em movimento.» A primeira vez que ouvi som de Cabo Verde foi na morna «Mar eterno», um «disco pedido» no «programa dos doentinhos» dos Emissores Associados de Lisboa - «serviço seis, sala dois, cama quatro». Mais tarde li poemas de Jorge Barbosa no livro de leituras do Ciclo Preparatório e no Curso Geral do Comércio tive como professor de Noções de Comércio, Direito Comercial e Economia Política um homem de Cabo Verde – Terêncio Anahory. A sua alcunha era «Tofa»: nesse tempo apareceu uma marca de cafés e a cor da sua pele era quase igual. Detestava a alcunha e dizia: «Gostava de saber quem foi o minino que me pôs a alcunha de Tofa». Quando os jovens procuravam dar a volta às suas perguntas atalhava logo: «Tão pequenino e já é um inventor». Tinha um lema: «Viver é escolher: a felicidade não está em viver mas sim em saber viver» Dito de outra maneira: «A alegria da vida está em saber evitar as suas comédias e as suas tragédias.» O grupo «Guents dy rincon» está a tocar em S. Pedro de Alcântara. Santos Cabral é a voz e o autor de algumas melodias. Usa sapatos de malandro, sapatos que em Luanda levavam muitos pais a proibir namoros às filhas. De malandro a chulo ia um passo, o pai desconfia de quem não trabalha mas come todos os dias. Hoje ouvi o grupo; o som ainda é este e a voz de Santos Cabral (rouca, tensa e pesada) parece nascer de uma lágrima ou de uma oração. Afinal duas maneiras de ligar de novo tudo o que a morte separou. --

Autoria e outros dados (tags, etc)

por José do Carmo Francisco às 12:16


1 comentário

De Luis Eme a 24.03.2016 às 11:01

Grato pela prosa com música e alguma filosofia.:)

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Março 2016

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031





Visitas