Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Transporte Sentimental



Quarta-feira, 01.04.15

carta aberta a antónio macedo e fernando alves sobre a infância

Image.jpg


Talvez não saibam (o Matos Maia sabia) que a minha infância cabe toda dentro de uma telefonia antiga: a bela Schaub Lorenz que ainda lá está em Santa Catarina, depois de ter passado pelo Montijo, por Vila Franca de Xira e por Lisboa. A infância é o tempo tão especial em que nada tem preço: nem os beijos nem as lágrimas. O organismo sentimental que eu sou hoje (2015) foi desenhado nesse tempo da telefonia entre 1951 e 1961 com os programas de discos pedidos dos doentinhos: um postal dos CTT, serviço seis, sala dois, cama quatro e segue-se «a grande marcha escocesa.» Os emissores associados de Lisboa eram quatro: Rádio Graça, Rádio Peninsular, Clube Radiofónico de Portugal e Rádio Voz de Lisboa. Aprendi o humor com os Parodiantes de Lisboa, a Parada da Paródia, o inspector Patilhas e o ajudante Ventoínha, a menina Bebé, o Jack Taxas e o seu cavalo Cara Linda. As pessoas chamavam romances aos folhetins do teatro radiofónico e chegaram a bater com sombrinhas numa das actrizes que fazia de «má» à porta da Lanalgo na Rua Augusta. Depois não esqueço o Compadre Alentejano que até era do Montijo. E o senhor Messias que era de Penamacor mas dizia-se natural de Quadrazais. O tempo era outro, a rádio também porque entrava nas nossas casas vazias e ficava no coração. Por isso não saiu e continua firme no seu lugar que é insubstituível. Desculpem o desabafo mas não tinha outra maneira de contactar. O António Macedo a última vez que o vi foi na RTP Memória a mostrar uma fotografia onde eu estou ao seu lado (e do Sena Santos) no Estádio José Alvalade. O Fernando Alves a última vez que o vi foi no lançamento do livro do Adelino Gomes. Não o último mas o mais recente. Estou perdoado, afinal só vos peço que passam discos da Teresa Silva Carvalho, não é pedir muito. --

Autoria e outros dados (tags, etc)

por José do Carmo Francisco às 11:11


1 comentário

De jose manuel santos sousa a 11.04.2015 às 15:27

Boa tarde, peco antecipadamente desculpa por estar a utilizar este espaco pois nao sei como funcionam os blogs mas imagino que seja uma forma de poder contactar directamnete o seu autor. O que me levou a vir aqui foi ver uma referencia ao Francisco Sena Santos que gostaria de contactar mas como resido em Inglaterra ha bastantes anos nao sei onde procurar. Ja tentei no Facebook mas nao sei se vou ser bem sucedido. Fui colega de liceu do Francisco no ano de 1971/72 e gostava de poder dialogar com ele. Pode de alguma forma dizer-me como poderei chegar ate ele? Obrigado
Podera responder-me para o meu e-mail por favor?
jssousa2@gmail.com

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Abril 2015

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930





Visitas