Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Transporte Sentimental



Segunda-feira, 02.02.15

américo monteiro de aguiar, a obra da rua e as gralhas

Image.jpg


Sou leitor do jornal O GAIATO há muitos anos e tenho para com eles duas espécies de dívidas: a material e a espiritual. A dívida material posso eu vir a acertar um dia destes (sou o assinante64851) mas a espiritual não tem preço. Devo muito aos seus artigos e notícias, aprendi e continuo a aprender muito nas suas páginas. Também tenho lido alguns livros do Padre Américo e num deles («A Obra da Rua») posso ler uma definição da Casa do Gaiato: «A Casa do Gaiato é uma obra eminentemente social e familiar. Não tem pautas nem estatutos nem regulamentos – nem orçamento! Os mais crescidos vão roçar mato, de manhã cedo, com o almoço numa cesta de vime; e comem quando bel lhes apetece à maneira dos trabalhadores. Ao meio dia, regressam a Casa para jantar, no fim do que, atrelam a jumenta ao carro e de novo voltam ao monte, a colher o fruto do seu trabalho. A distribuição do mato nos estábulos, mai-la do estrume nas terras, é obra das suas mãos.» Pois no livro da Livraria Portugal, comemorativo dos seus 50 anos, assinado por José Pedro Machado (1914-2005) não é só o nome do Padre Américo (1887-1956) que tem uma gralha (Martins em vez de Monteiro) mas também a data do seu falecimento. Foi de facto em 1956 mas José Pedro Machado indica o ano de 1966. Moral da história: não há nada a fazer. Diz o Nuno Costa Santos que «a vida sem gralhas é burocracia». Ora eu não sou um burocrata nem um manga-de-alpaca das Letras mas ainda sou sensível a estas coisas. O Nuno tem razão mas com a minha idade já não posso mudar. Mesmo que queira. «Burro velho não aprende línguas» nem perdoa gralhas sejam nos nomes sejam nas datas. Lá diz o velho ditado popular com um pequeno acrescento meu. Pois. --

Autoria e outros dados (tags, etc)

por José do Carmo Francisco às 08:57



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Fevereiro 2015

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728





Visitas